Escolha como quer aprender:

Apps e sites podem ser grandes aliados em momento de redução dos serviços presenciais.

O Coronavírus é uma doença que está afetando diversos países ao redor do mundo. Provavelmente você já deve estar por dentro do alcance dessa pandemia e seu efeitos na saúde. No entanto, você sabe como o Covid-19 influencia a economia brasileira? No post de hoje explicamos como esse vírus pode afetar as suas finanças e também trazemos as principais medidas para evitar o contágio e se manter saudável nesse momento. Confira!

O que é o Coronavírus?

O Coronavírus é uma doença semelhante à gripe comum e que surgiu no final de 2019 em Wuhan, na China. A principal hipótese é de que o vírus começou a ser transmitido por animais e depois de mutações acabou chegando aos humanos. Apesar de ter uma mortalidade baixa, o Covid-19 (nome técnico da doença) apresenta uma grande capacidade de se espalhar entre as pessoas por causa da sua fácil transmissão.

De forma geral, o Coronavírus se comporta como uma gripe comum. Os sintomas são bem parecidos, como tosse, febre, espirros, coriza, dor de garganta e problemas respiratórios. A transmissão também é parecida: o vírus se espalha pelo ar e por objetos. A grande diferença dessa doença é que ela evolui rapidamente em quem pertence aos grupos de risco, por isso idosos e pessoas com imunidade baixa podem ter quadros graves como pneumonia.

O Coronavírus e a economia brasileira

Por causa dessa instabilidade na saúde mundial, a economia do planeta sofreu mudanças bruscas e inesperadas. A China é um dos principais exportadores e produtores do mundo, porém com a pandemia muitas fábricas e indústrias tiveram que fechar para evitar o contágio e preservar a vida dos trabalhadores.

A desaceleração das indústrias mundiais deixou os investidores apreensivos e com isso a bolsa de valores começou a cair. O petróleo é um dos principais geradores de receita do Brasil, mas em uma crise desse tipo os investidores se afastam e o preço do petróleo cai. Esse cenário é preocupante porque deixa a nossa economia mais instável e isso influencia no dia a dia de todos os brasileiros.

Como o Coronavírus pode influenciar as finanças?

A seguir trouxemos alguns exemplos de como o Covid-19 e a quarentena podem influenciar no seu cotidiano e na economia. Fique por dentro de tudo para se manter bem informado!

1. Taxas cambiais maiores
Quando a economia do país começa a passar por dificuldades, as taxas cambiais são as primeiras a aumentar. Em grandes crises, o dólar aumenta e encarece diversos produtos e matérias-primas que nós importamos.

2. Bolsa de valores instável
A bolsa de valores instável deixa os investidores apreensivos e com receio. Como a lei da oferta e da demanda organiza a bolsa, o valor das ações diminui e isso desvaloriza as instituições. Tudo isso acaba gerando um menor crescimento da empresa no Brasil, o que influencia diretamente na geração de empregos oferecidos no país.

3. Estabelecimentos e comércios fechados
Uma das principais medidas preventivas para conter o contágio do Coronavírus é a quarentena. No entanto, esse isolamento faz com que diversos estabelecimentos e comércios fechem, pois a recomendação é que os trabalhadores estejam em casa. Além disso, pessoas com trabalhos autônomos podem ficar em situações difíceis nesse período, como é o caso dos motoristas por aplicativo que irão sentir um impacto direto na demanda por corridas.

Apesar de todas essas mudanças é importante que você fique calmo nesse momento. O governo, junto com diversas instituições, está tomando atitudes para que a nossa economia não sofra tanto, por isso o ideal agora é prestar a atenção na sua saúde e da sua família.

Medidas para evitar a doença e cuidar da sua saúde.

Para que você consiga evitar ao máximo a doença e possa cuidar da sua saúde e de quem você ama, trouxemos as principais medidas que irão ajudá-lo nesse momento tão complicado. Leia atentamente e não esqueça de compartilhar essas informações com quem você ama!

  • Evite saídas desnecessárias e fique em casa: como falamos anteriormente, o isolamento é uma das principais medidas para evitar o avanço do Covid-19. Por isso, evite sair de casa se não for fazer algo realmente necessário.
  • Mantenha distância das pessoas nas ruas: caso você precise circular pela cidade nesse momento, mantenha uma distância de pelo menos 1 metro das outras pessoas. Além disso, evite cumprimentar com apertos de mão e beijos no rosto.
  • Cubra a boca quando tossir ou espirrar: esse é um vírus que pode ser transmitido pelo ar, por isso se você for espirrar ou tossir utilize a parte a interna do cotovelo para cobrir a boca.
  • Lave as mãos com frequência e limpe os seus objetos pessoais: essa é a principal medida para não se contaminar com o Coronavírus. Lave as suas mãos frequentemente com água e sabão ou com álcool gel 70%. Também limpe os seus objetos pessoais, como os smartphones.
  • Compre apenas o necessário: é essencial que você pense no coletivo durante essa pandemia. Por conta disso, compre apenas aquilo que você precisa e deixe produtos para as outras pessoas. Agora é a hora de mostrar mais solidariedade e empatia.

 

Confira abaixo o comunicado oficial do Atacadão sobre o Coronavírus e fique por dentro do posicionamento da empresa sobre o assunto. Aproveite esse momento para cuidar de você mesmo e de quem você ama!

 

 

Fontes: Ministério da Saúde do Brasil e G1.
https://coronavirus.saude.gov.br

Não perca tempo! Peça já seu cartão!
Mais artigos para você
Subtítulo