Dicas para acertar na hora de trocar seu computador
Escolha como quer aprender:

Não pesquisar adequadamente na hora de comprar pode te levar a escolher uma opção inferior ao que você realmente precisa ou, até, pagar mais caro por recursos que não vai usar.

Para evitar que isso aconteça, separamos algumas dicas básicas para te ajudar a entender quais aspectos devem ser analisados para que você tenha certeza de que está escolhendo o computador ideal.

Defina o uso principal do computador

O primeiro passo para fazer a escolha correta é entender qual o principal objetivo do seu novo computador. A partir dessa definição, vai ficar muito mais simples escolher a configuração que o aparelho deve ter para atendê-lo.

Se você precisa de um computador para tarefas simples, como acessar as redes sociais e fazer trabalhos da faculdade, não há necessidade de ter tanto em desempenho.

Por outro lado, se sua intenção é jogar, será necessário investir mais em aspectos como a placa de vídeo e a tela para ter uma experiência melhor.

Outro ponto que também deve analisar é se você precisa se locomover com o computador, levando-o para a faculdade ou o trabalho. Em caso positivo, um notebook vai oferecer a mobilidade e praticidade que você procura.

Porém, se isso não é um problema, você quer mesmo um computador robusto e já tem até um cantinho especial para ele, o desktop pode ser uma opção melhor.

Definido o uso principal que o seu novo computador terá e escolhendo entre notebook e desktop, vamos conhecer os principais elementos da configuração.

Analise a configuração do dispositivo

Se essa é a primeira vez que você se aventura no mundo dos PCs, pode ficar um pouco confuso com a coleção de números, letras e termos específicos do segmento.

Mas, na verdade, não é tão complicado assim!

Normalmente, quando você procura por computadores, as lojas apresentam uma descrição completa dos aparelhos e uma ficha técnica com a configuração detalhada.

Através dessas informações, você poderá avaliar se a configuração do produto é ou não ideal para suas necessidades.

Vejamos quais são os elementos que compõem essa configuração.

Processador

Como o nome entrega, o processador é responsável pela capacidade do computador processar e realizar tarefas.

Podemos dividir os processadores em três categorias: de entradaintermediários e de alta performance.

Os de entrada são ideais para quem vai fazer atividades simples. Se esse é o seu caso, um processador da família Core i3 (da Intel), ou um Ryzen 3 (da AMD) das primeiras gerações é o suficiente.

Processadores intermediários são indicados para quem faz uso constante do computador e precisa de uma capacidade de processamento melhor. Os chips i5 ou Ryzen 5 podem ser mais interessantes e garantem uma longevidade maior do PC.

Mas se o que você quer mesmo é utilizar programas pesados e jogar os últimos games lançados, precisa de um processador de alta performance. Na Intel, os últimos são o i7 e o i9, e na AMD os processadores Ryzen 7 e Ryzen 9 são mais cobiçados pelos gamers.

HD ou SSD

Os computadores podem vir com HD, SSD ou ambos.

HD é um disco de armazenamento e suas vantagens normalmente estão ligadas com o preço menor e grande volume de espaço para armazenar seus arquivos e programas.

Já o SSD encarece um pouco o produto e sua capacidade de armazenamento pode ser inferior, mas esse disco tem um grande trunfo: ele deixa qualquer computador muito mais rápido do que um HD.

Nesse sentido, se você prefere economizar e ter um computador mais lento, o HD vai te atender. Quem prefere um computador ágil e precisa de um aparelho com uma performance que acompanhe uma rotina acelerada, pode apostar no SSD.

Também existem os sistemas híbridos, que têm HD e SSD. Eles podem ser ideais para quem precisa de espaço para armazenar e velocidade de processamento, mas tendem a ser um pouco mais caros.

Ah, e se você escolher um computador com HD e depois quiser fazer um upgrade, trocando ou acrescentando um SSD, é possível!

Placa de vídeo

Para escolher a placa de vídeo ideal para o seu dia a dia, também é preciso entender como você pretende utilizar o computador.

Como essa peça é responsável pela qualidade da imagem, quem busca boa qualidade gráfica nos jogos, quer assistir vídeos com ótima resolução, ou trabalha com edição de vídeos e fotos, deve optar por uma placa de vídeo de alta performance.

Nesse caso, a placa de vídeo GTX 1660 Super é uma ótima alternativa para quem tem um desktop.

Já os gamers adeptos aos notebooks, precisam escolher aqueles que já tenham placa de vídeo dedicada e específica para jogos, ou atividades que exigem mais do componente.

Memória RAM

memória RAM também desempenha um papel importante na performance do computador e dos softwares que você vai utilizar.

Pensando em usuários que tenham uma rotina simples e utilizem o computador para atividades que não exigem muito do equipamento, uma memória RAM de 4 GB deve suprir as necessidades.

Quem usa programas mais robustos, quer jogar no computador ou sabe que vai precisar de um desempenho melhor, tem que ter, no mínimo, 8 GB de RAM.

Algo bem bacana é que alguns dos gabinetes e notebooks possuem espaços para que você possa acrescentar outro(s) pente(s) de memória, além do que veio de fábrica. É bom analisar essa possibilidade antes de comprar.

Só fique atento para escolher uma cujo modelo e frequência da memória sejam compatíveis com o seu computador.

Determine um orçamento

A essa altura, você já deve ter uma ideia de qual tipo de processador, placa de vídeo, volume de memória e armazenamento em disco você precisa. Também deve ter percebido que quanto mais avançado o componente e melhor a performance, mais o custo aumenta.

Então, é um bom momento para começar a buscar preços de computadores que atendem suas necessidades e definir um limite para gastar.

Você pode encontrar configurações bem parecidas com custos diferentes por conta da marca do computador, outros componentes e até do acabamento do produto.

Por isso, além das dicas básicas que viu até agora, vale muito a pena tirar algum tempo para estudar melhor o universo dos PCs e pesquisar as opções disponíveis no mercado até que se sinta confortável com sua escolha.

Na hora de comprar, já sabe: você pode usar o seu cartão Atacadão também para fazer compras em lojas físicas e virtuais e adquirir o seu novo computador onde preferir! Boas compras!

Não perca tempo! Peça já seu cartão!
Mais artigos para você
Subtítulo