4 lições que os empreendedores podem aprender com a crise
Escolha como quer aprender:

Confira alguns aprendizados que podem ser absorvidos durante uma crise e saiba como aplicá-los no seu negócio. 

4 lições que os empreendedores podem aprender com a crise

A vida dos empreendedores é cheia de desafios, e um deles pode ser o enfrentamento de crises que não têm dia e nem hora para começar. Isso pode acontecer especificamente no seu negócio, quanto devido às situações externas.

Exemplo disso é a pandemia da Covid-19 que, entre tantos efeitos desastrosos, agravou a situação da economia.  

Porém, todo momento difícil pode ensinar ao empreendedor algum tipo de lição. Por isso, o Cartão Atacadão separou algumas delas aqui para você conhecer.
 

1. Avalie os riscos e se prepare para eles

Quem inicia um negócio, seja ele qual for, precisa avaliar os riscos que estão ligados ao seu segmento, modelo de operação e até ao local em que sua empresa está. É claro que nem todos os prejuízos são previsíveis, mas alguns deles podem ser antecipados e evitados.

Por exemplo, se tiver um estabelecimento em uma área de enchente, será necessário buscar formas de se prevenir nos períodos de chuva para que um alagamento não venha danificar o espaço. 

O mesmo acontece com quem trabalha com vendas de produtos e serviços sazonais, que têm maior procura em certos períodos do ano. Sabendo que em alguns momentos vai faturar mais, o empreendedor pode fazer um planejamento para se preparar financeiramente para não passar aperto quando as vendas estiverem em baixa.
 

>> Aproveite e confira como reduzir despesas em seu negócio
 

2. Aceite e fomente mudanças no seu negócio

Muitos donos de empresa se recusavam a mudar. Para eles, “em time que está ganhando, não se mexe”, mas a pandemia mostrou que mesmo um “time” que está vencendo, pode começar a perder do dia para a noite. E se o empreendedor não está preparado para se adaptar, a situação pode ficar muito complicada.  

Então, uma das lições que a crise ensina é que mudanças são necessárias no mundo dos negócios e não precisamos esperar que ela chegue, para só depois começar a pensar em como agir.

Um bom exercício é se perguntar, constantemente, como é possível melhorar seu negócio. Será que tem algo que possa melhorar o relacionamento com seus consumidores? Quais ações ajudariam a fidelizar os clientes? E os funcionários, precisam de algo para trabalhar de forma mais saudável e produtiva? 

Se levar essas reflexões para os compradores e profissionais que compõem sua equipe, com certeza vai ouvir ótimas ideias que podem gerar mudanças muito positivas na sua empresa.
 

3. Dê as boas-vindas à tecnologia

Hoje é impossível fugir da tecnologia quando o assunto é gestão de empresas. Por mais que você esteja acostumado com ferramentas tradicionais - como o fluxo de caixa feito em uma caderneta -, trazer instrumentos digitais pode ter benefícios importantes.

Exemplos disso são os aplicativos de gestão financeira, que geram economia de tempo e dinheiro para os empreendedores e garantem mais segurança para as suas informações. Também podemos citar as redes sociais, que garantem que os clientes acompanhem as novidades das suas marcas preferidas, e as plataformas de vendas de produtos e serviços, que permitem que os clientes comprem sem sair de casa.  

Outro fato que inclui a utilização da tecnologia é a flexibilização da forma de trabalhar. Muitas empresas adotaram o home office por conta do Coronavírus, mas, agora, perceberam que oferecer aos funcionários a possibilidade de trabalhar em casa pode ser uma forma de poupar recursos e proporcionar mais qualidade de vida para eles, e tudo isso sem perder o rendimento! 

Sendo assim, a lição é: use a tecnologia ao seu favor! Ela pode ser sua aliada! 
 

>> Leia também: Passo a passo para vender no WhatsApp
 

4. Sua empresa pode ser mais humana

Depois de praticamente dois anos em distanciamento social, ficou claro como o fator humano é fundamental para empresas bem-sucedidas.   

Seja presencialmente ou à distância, o consumidor quer ser atendido com atenção e carinho. Por isso, é fundamental pensar em formas de oferecer uma experiência mais especial e personalizada para os seus clientes. Isso, com certeza, vai ajudar a fidelizá-los. 

O mesmo vale para o relacionamento com os funcionários. Na pandemia, ficou claro como questões emocionais e psicológicas podem abalar muito o desempenho profissional. Com isso, as marcas que se preocuparam em dar atenção especial às suas equipes e demonstrar empatia, foram as que firmaram relações mais saudáveis em especiais com seus colaboradores. 
 

Gostou dessas dicas para seu negócio? Então, confira mais algumas no blog do Cartão Atacadão.

Fique por dentro das novidades

O Cartão Atacadão tem muito mais dicas para você aproveitar!

Não perca tempo! Peça já seu cartão!
Mais artigos para você
Subtítulo